Home Veganismo 12 documentários veganos imperdíveis para assistir hoje

12 documentários veganos imperdíveis para assistir hoje

Escrito por Ludmila Alves 5 de março de 2018
12 documentários veganos imperdíveis para assistir hoje

Você conhece alguém que assistiu a um filme sobre a indústria da carne e se tornou vegetariano ou vegano depois dessa experiência? É bem provável que sim, afinal, documentários veganos ou que falam da indústria de alimentos trazem cenas e verdades reais capazes de nos chocar.

Ter contato com essas informações não é fácil e gera diversas reações. Tem gente que para de consumir produtos animais, tem quem reflita e consuma menos, tem quem negue tudo aquilo e até quem nunca queira assistir.

Isso só ocorre porque a informação que temos é bem distante da realidade ou nem chega até nós: o que querem que saibamos está ali no mercado dentro de um pacotinho. Além disso, é cômodo acreditar que aquela crueldade é exagerada, que as coisas possam seguir assim e que nosso consumo individual não tenha tanto impacto.

Então, qual é a verdade? Como os animais são explorados? Por que tanta gente veganiza e porque esse movimento cresce? As melhores e mais completas respostas você encontra nos 12 documentários veganos selecionados a seguir. Vamos a eles:

Legenda: 💚 Amei – 😱 Chocante – 👎 Não gostei – 🥗 Sobre alimentação

Earthlings (Terráqueos)  💚 😱

Se acredita que parar de comer carne reduz seu débito com os animais que morreram por você, saiba que está enganado (ou desinformado).

A indústria da carne é apenas uma das formas que o ser humano tem de usar a vida de outras espécies para seus próprios propósitos. Esta e todas as outras 4 são mostradas no Earthlings (Terráqueos em português), o melhor documentário vegano disponível.

É essencial assisti-lo porque ele justifica o veganismo pela crueldade e desrespeito que acontece com bichos de diversas espécies. Ele não fala de saúde, não fala de meio ambiente e nem fala que você deve ser vegano. Ali simplesmente se mostra a verdade.

Não será fácil assisti-lo e é impossível não chorar e não repensar a objetificação com que tratamos os outros seres da Terra. Mas também é transformador.

Você tem que assistir Earthlings e ainda mostrar para o maior número de pessoas possível! 😉

O documentário completo está abaixo:

Ano: 2005

Diretor: Shaun Monson

Black Fish 💚

Em 2017, o parque SeaWorld anunciou que parou de realizar as famosas apresentações das baleias orcas depois de muita polêmica sobre como elas eram tratadas. Para a administração do parque e muitos dos veterinários ali, as orcas tinham o que precisavam: água, comida e carinho na cabeça. Mas se uma baleia falasse, com certeza, ela pediria sua liberdade.

Depois de assistir a história de Tilikum no Black Fish tive consciência do que essas baleias passavam e como estavam tendo vidas muito diferentes daquelas que teriam caso estivessem livres no oceano. Por causa da rotina de adestramento e treinamento para apresentações, as orcas se machucavam, tinham problemas nas barbatanas, ficavam depressivas e tinham reações que eram extremamente perigosas.

Se ainda acredita que zoológicos e circos são inofensivos aos bichos, precisa assistir esse documentário vegano!

Ano: 2013

Diretor: Gabriela Cowperthwaite

Onde assistir: disponível no Netflix

A carne é fraca

Quer resolver o problema da fome no mundo? Quer contribuir para  reduzir a poluição e o desmatamento? Aprenda e repense sobre o consumo de carne, conhecimento dividido por vários especialistas nesse documentário do Instituto Nina Rosa, A Carne é Fraca.

Todas as pessoas têm o direito de saber o que se esconde por trás desse hábito, que pode parecer inofensivo, de comer carne. – Nina Rosa Jacob

A produção brasileira, além de mostrar a vida dos animais nas fazendas para produção de carne, leite, couro e de outros produtos, também discute suas consequências, o cenário ambiental no Brasil, bem como questões éticas fundamentais do consumo de produtos animais.

Ano: 2004

Diretor: Denise Gonçalves

Meat the truth

O nome vem do “An inconvenient Truth”, documentário sobre a campanha educativa do ex-vice-presidente americano Al Gore, que falava sobre aquecimento global e atitudes necessárias para evitar problemas ambientais. Meat the Truth traz argumentos que explicam que Al Gore deixava de lado um ponto bem importante em suas palestras: a pecuária e seus danos ao planeta.

O documentário aborda temas como a produção de metano, a poluição da indústria e o silêncio das grandes organizações.

Ano: 2014

Diretor: Gertjan Zwanikken

Onde assistir: disponível no Netflix

Cownspiracy

O Cowspiracy é um documentário pró-veganismo com uma abordagem totalmente ambiental. Ao assisti-lo, você entende como e quais recursos são gastos para produzir animais, além das consequências negativas em aumentar imensamente o número de cabeças para satisfazer o consumo.

O documentário vegano também avalia a fundo a questão do metano produzido pela digestão das vacas e como ele afeta a camada de ozônio. Apesar de considerar esse motivo polêmico (gases de bovinos) para parar de comer carne devido à controvérsia que gera, recomendo que assista o material por outros aspectos que ele aborda.

Kip Andersen, diretor e personagem principal de Cowspiracy, traz muitos questionamentos lógicos, investigação, entrevistas e discute como a grande indústria se nega a mudar e, pior, nos informar claramente sobre procedência e consequência de consumo de carnes e produtos animais.

Um ponto forte do material é como essa indústria cheia de aliados como o governo, institutos de pesquisa e até grandes instituições ambientais, consegue manipular e esconder a informação.

Ano: 2014

Diretor: Kip Andersen e Keegan Kuhn

Onde assistir: disponível no Netflix

Meet your meat 😱

“O que você está prestes a ver aqui vai além dos seus piores pesadelos”.

É assim como esse curta produzido pela ONG internacional Peta começa e é exatamente isso que ele entrega. Na intenção de mostrar como funciona a criação de animais para a indústria e o pior que ela pode fazer, esse documentário vegano tem cenas bem fortes.

No entanto, o material é essencial porque explica as muitas formas de sofrimento pelas quais os animais passam. O abate não é o pior desse processo: os bichos passam por muitos desconfortos, falta de higiene, dores, calor, frio, doenças e coisas que nem conseguimos imaginar.

Ano: 2002

Diretor: Bruce Friedrich

Glass Wall 😱

Mais um curta da Peta apresentando o que acontece nos abatedouros, mas dessa vez com a apresentação do Paul McCartney!

Para quem não sabe, Paul e sua filha, Stella, são vegetarianos e ativistas pela causa animal.


Ano: 2007

Diretor: Marc Pierschel

Live and let live 👎

Por que você é vegano? Essa é a pergunta que os entrevistados respondem.

É um filme onde se discute empatia com os animais, sociologia, a obviedade em escolher não consumir produtos animais e a relação das pessoas com esse estilo de vida.

Ano: 2013

Diretor: Marc Pierschel

Onde assistir: disponível no Netflix

What the health 💚 🥗

Médicos, cientistas, atletas, terapeutas e outros profissionais  especialistas em alimentação plant-based falam sobre a importância da alimentação natural, sem industrializados e sem produtos animais para a nossa saúde.

Além de bastante conteúdo gerado por pessoas que estudam, vivem isso e conhecem os reais impactos do veganismo no corpo, o documentário apresenta várias pesquisas que apontam a relação da carne com doenças graves como diabetes e câncer.

Mas o grande destaque vai para como eles respondem todos os mitos por trás do consumo de animais como a necessidade deles, de proteínas e do cálcio.

É um documentário vegano essencial para você ter a informação que médicos e nutricionistas desatualizados não te dão e para entender que o perigo, na verdade, está em continuar com a dieta ocidental regular.


Ano: 2013

Diretor: Marc Pierschel

Onde assistir: disponível no Netflix

Forks Over Knives

Diabetes, câncer, obesidade são doenças comuns nos dias de hoje que poderiam ser evitadas se as pessoas comessem com mais consciências e escolhessem vegetais em vez produtos animais e de produtos industrializados.

Em Forks over Knives, o diretor Lee Fulkerson se propõe a testar a dieta plant-based e investigar seus benefícios.

Como mais um documentário que conecta veganismo e saúde, há participações dos médicos T. Colin Campbell, Caldwell Esselstyn, John A. McDougall e Neal Barnard, autoridades em plant based e entrevistados em todos os filmes do gênero. 😂


Ano: 2011

Diretor: Lee Fulkerson

Onde assistir: disponível no Netflix

Vegan 🥗

Uma mistura de Fork over knives e What the health fazem de Vegan um documentário para quem tem dúvidas sobre o veganismo e precisa se informar para dar os primeiros passos.

Apesar de ter um roteiro muito similar a outros filmes do gênero, Vegan é o único que fala mais abertamente dos medos de se tornar vegano e da necessidade de B12.

Leia também: Deficiência de vitamina B12:  Sintomas e Tratamento

Ano: 2017

Diretor: Klaus Mitchell

Onde assistir: disponível no Netflix

Speciesism

Esse é um tema sociológico que amo discutir: especismo, a discriminação por espécie, a nossa crença de que animais não precisam e nem desejam a liberdade apenas por serem diferentes.

Em Speciesism, o diretor visita fazendas de criação de animais e discute ética e aa mentiras do que justifica essas crueldades.

Um documentário vegano super interessante do ponto de vista filosófico.


Ano: 2013

Diretor: Mark Devries

Onde assistir: disponível no Netflix

O que os documentários veganos podem te ensinar

O primeiro motivo para assistir esse tipo de conteúdo é porque isso é algo que as pessoas próximas a você e profissionais de saúde nunca vão te falar.

Apesar de todo o crescimento do veganismo, quebrar tradições alimentares é visto que como algo inconcebível e até mal educado. Dizer que consentir com essa crueldade é anti-ética, pode soar pior ainda.

Mas aí você se informa, respira fundo e segue em frente com o seu conhecimento, com os seus valores e com as suas escolhas. 😊 💚 E, claro, pode recomendar esses filmes a quem não tem noção do que acontece.

Nesse contexto, além de toda a realidade do sofrimento animal, essa seleção de documentários fala muito de ética, de questionar padrões aceitos, de saúde e de compaixão ao próximo.

Por que não mudar algo que sabemos que está errado, não é mesmo?

Qual dos documentários dessa lista mas te impactou? Comente!

Facebook Comments
2 Comentários
0

veja também

2 Comentários

Maria Rebeca 11 de outubro de 2018 - 08:10

Inspiradoras história lá. Ⲟ ԛue ocorreu depois? Boa sorte !

Reply
Ludmila Alves 23 de outubro de 2018 - 08:54

Oi, Maria Rebeca.
O que ocorreu depois de eu assistir a esses documentários?
Se a pergunta for essa, a resposta é: tento divulgá-los para que outras pessoas os vejam!
🙂

Reply

O que achou? Deixe seu comentário