Home Beleza Guia da Maquiagem Vegana: Como Reconhecer, Top Marcas & Testes em Animais

Guia da Maquiagem Vegana: Como Reconhecer, Top Marcas & Testes em Animais

Escrito por Ludmila Alves 2 de janeiro de 2018
Guia da Maquiagem Vegana:  Como Reconhecer, Top Marcas & Testes em Animais

“O que importa é que cubra minhas olheiras”, foi o que ouvi de uma colega quando eu falei sobre maquiagem vegana. Fiquei com uma dor enorme no coração quando ela disse isso, mas entendo que não se importar com a procedência de algum produto e permitir testes em animais para termos produtos “seguros” só acontece por falta de informação, não é mesmo?

Por essa e por outras histórias similares, assumi a missão de esclarecer. Além de estar aqui para falar das marcas de maquiagem vegana e incentivar que mais pessoas testem essas opções, também preciso compartilhar porque essa simples troca de produtos faz muita diferença: os testes em animais.

Nesse contexto, separei esse guia da make natureba em 3 partes: a primeira para você entender o que é a maquiagem vegana e como reconhecê-la sabendo quais produtos não devem estar ali, a segunda com a lista das melhores marcas e, por fim, a terceira que trata dos testes em animais, ou seja, o motivo pelo qual todos nós devemos optar pelas versões veganas.

Prontos para rever sua forma de consumo e virar um expert em maquiagem vegana? Vamos lá!

Clique nos links abaixo para ir direto para o tópico de seu interesse. Ou leia o texto todo porque só tem informação relevante 😉

Parte 1 – Tudo sobre make vegana

Parte 2 – Maquiagens veganas para você testar

Parte 3 – Testes laboratoriais em animais

Espero que este guia seja útil para você assim como foi pra mim ao fazer toda a pesquisa. Além disso, lembre-se que além de fazer um bem para sua pele, já que as maquiagens veganas têm mais ingredientes naturais 🍃🌻🍃🌷 como verá a seguir, estará fazendo um bem muito maior a vários bichinhos que estariam em laboratórios de marcas conceituadas de make. 🐰🐭🐶

Parte 1 – Tudo sobre make vegana

Quando produtos de maquiagem são veganos?

A maquiagem é vegana quando ela atende 2 critérios: não contém nenhum produto de origem animal e não foi testada em animais. Como o veganismo existe para acabar com a exploração de todas as formas, se um item para a pele tem só uma dessas características, ele não pode ser considerado vegano!

Portanto, é bom pesquisar antes sobre os procedimentos de teste e produção de cosméticos de cada marca porque algumas delas podem até ser veganas mas não usar isso em seu branding (o que pode ser um erro, uma vez que é sempre positivo comunicar valores do bem).

Ah! E não confunda maquiagem vegana com natural. A maquiagem natural precisa conter no mínimo 95% de produtos naturais em sua composição, o que não é uma regra para a maquiagem vegana, que pode sim conter muitos elementos sintéticos. Porém, a grande maioria das marcas vegans, por serem bastante conscientes com relação a nossa saúde e a do planeta, costumam sim usar mais ingredientes naturais do que as marcas convencionais.

Como verificar se a maquiagem é realmente vegana? Atenção na composição!

Nem toda marca de maquiagem informa que é vegana, como é o caso da “Quem disse, Berenice?”, que não realiza teste em bichos e tem vários itens sem derivados animais. Por que isso acontece? Como alguém que trabalha com marketing digital (você pode saber melhor sobre meu trabalho aqui) posso dizer que isso é uma escolha, uma questão de posicionamento.

A palavra vegano ainda causa rejeição e, se o conceito não for bem apresentado, dá a ideia de que produtos assim são de nicho e, logo, quem é vegano não se sente inclinado a consumir.

Seria bem mais fácil se todo item que não precisou explorar animais para chegar até a gente tivesse o “V” de certificado vegano, independemente da marca se posicionar como vegan ou não em sua comunicação. Enquanto isso não acontece, precisamos reconhecer produtos de origem animal comumente adicionados. São eles:

  • ácido estearato – retirado do estômago de porcos, é utilizado para fabricação de hidratantes e produtos para o cabelo;
  • ácido oleico – um tipo de gordura animal usada como emoliente;
  • carmim – pigmento vermelho vindo de um inseto chamado cochonilha;
  • cera de abelhas – usada em máscara de cílios;
  • colágeno – proteína fibrosa em todos os vertebrados. É extraído das vacas e, apesar de ser um item famoso por supostas propriedades anti-envelhecimento, essa eficácia é muito questionada;
  • elastina – proteína retirada normalmente dos ligamentos de vacas;
  • esqualeno – vem do fígado do tubarão e é usado em desodorantes e batons principalmente;
  • guanina – vem das escamas de peixe e é usado em sombras, blush e iluminadores para dar aquele efeito brilhante;
  • glicerina – vem da gordura animal;
  • lanolina – um derivado da lã usado como emoliente em batons;
  • leite ou caseína – presente em produtos para cabelo e pele;
  • mel – é um emoliente, ou seja, hidratante;
  • ovos ou albumina – é retirada da clara dos ovos e é um coagulante na fabricação de itens de beleza;
  • pêlos – usados na fabricação de pincéis de maquiagem.

É muita exploração para que pessoas fiquem maquiadas, não é mesmo? A boa notícia é que existem alternativas a esses itens. Muitos deles são proteínas e gorduras, ou seja, elementos que também estão presentes em vegetais.

Os emolientes, que são gorduras, podem ser substituídos por diversos óleos como o óleo de côco, por exemplo. As proteínas como a caseína e o colágeno podem ser deixados de lado e serem trocados por óleo de amêndoas. Essa indústria de exploração pode mudar!

Mas enquanto você tiver que ler a composição do seu blush, máscara de cílios e afins, lembre-se que os ingredientes podem estar em inglês (como acontece na maioria dos rótulos de cosméticos) ou sendo usados com um sinônimo. Então, leia com atenção!

Concordo que essa fiscalização para descobrir se a maquiagem é vegana ou não, dá trabalho 😦. Mas também é um grande aprendizado! Uma vez que se identifica um elemento novo, você pesquisa, conhece e nunca mais o processo precisa ser repetido.

Na dúvida, minha sugestão é conferir a lista da ONG Peta com os produtos de origem animal mais usados na indústria de uma forma geral. Com um ctrl + f você vai encontrar qualquer produto animal usado na fabricação de itens de maquiagem. Se não estiver lá, é vegano!

Quais são as diferenças mais notáveis entre a maquiagem vegana e a não vegana?

A principal diferença que notei entre esses tipos de produtos desde que parei de consumir maquiagens não veganas, pelo menos falando das marcas que já usei, é que a fixação dos veganos é bem menor.

O que só é ruim se você vai para algum lugar onde há risco da maquiagem se desfazer, como ir a um lugar quente ou sair na chuva, situações que podem comprometer qualquer tipo de maquiagem.

Essa falta de fixação é sinal que existem menos produtos químicos na composição e menos itens alergênicos, pois são facilmente retirados da pele. Lembre-se disso!

Inscreva-se e não perca as novidades do blog ;D

Maquiagem vegana e Cruelty Free é a mesma coisa?

Não! Como por definição vegan e cruelty free significam coisas diferentes, devemos entender esses conceitos aplicados nas makes que usamos.

A maquiagem vegana não foi testada em animais e não teve produtos de origem animal adicionados em sua composição. Enquanto isso, cruelty free significa que não foi testada em animais.

Concordo que essa diferenciação não é clara e para algo ser verdadeiramente livre de crueldade, não deveria ter produtos derivados de animais, porém é assim que essa nomenclatura funciona hoje.

De todo modo isso é positivo, afinal, é uma forma a mais de reduzir a exploração e permitir que os animais vivam suas vidas como quiserem, com respeito e de forma digna e saudável.

E para quem quiser conhecer mais sobre cruelty free, a ONG Peta, a mais conhecida em proteção animal e pró-vegan, cuida de listar todas as empresas que não incluem testes em animais em qualquer etapa do processo de produção de maquiagens e cosméticos. Para pesquisar por uma marca, acesse esse link.

Tashina Combs sobre a diferença entre a maquiagem vegana e a maquiagem cruelty free. Recomendo!

Tudo compreendido, agora é hora de falarmos das marcas veganas. 😊

Parte 2 – Maquiagens veganas para você testar

Maquiagem vegana: marcas nacionais

Como eu expliquei acima, muitas marcas deixam de se declarar veganas por questões comerciais e por receio de se fechar a apenas um público. Isso faz com que precisemos pesquisar um pouco mais, exatamente como você fez para chegar a esse post!

E sendo a informação o item mais importante que temos para fazer escolhas, além de marcas e onde comprá-las, falei aqui um pouco sobre cada uma, os produtos que já usei e os preços!

Comecemos então pela maquiagem vegana produzida por marcas brasileiras :

Face it natural

A Face it é uma marca de batons que além de vegana, não usa parabenos, sulfatos, silicone, metais pesados ou glúten. Ela é bem natural mesmo e todos os ingredientes são devidamente apresentados no site.

Batons Face It Natural

Uma das coisas que mais me chamou a atenção é quanto a marca presa por sustentabilidade. Além dos certificados da Peta que certificam o não uso de testes em animais e nem de derivados na maquiagem, a empresa tem o selo Eu Reciclo, contribuindo para cooperativas de reciclagem.

Preço médio: Batom R$ 74,00

Loja virtual: https://www.faceitnatural.com

Lojas físicas: não tem loja própria, mas os batons são vendidos no Empório Veganza do Rio de Janeiro e na Goiaba Urbana em São Paulo.

Cativa Natureza

Além de uma linha de maquiagem completa que tem batom, base, sombras, blushes e afins, a Cativa tem vários produtos incríveis como sabonetes, esfoliantes, óleos e até aromatizadores de ambiente.

Bases líquidas Cativa Natureza.

Tudo é orgânico e tem cheirinho bom. Sou fã!

Já testei o esfoliante, o sabonete corporal de argila preta e a base. Gostei bastante, recomendo e hoje a Cativa é minha marca favorita de maquiagem. 😀

A marca curitibana rastreia todos os insumos usados em seus produtos, o que garante sua qualidade. Beleza e cuidado juntos!

Preço médio: Batom R$ 52,90 e Base R$ 62,90

Loja virtual: http://cativanatureza.com.br  

Lojas físicas: em Curitiba, Porto Alegre e Fortaleza.

Let Natural

A Let é uma marca nordestina que une tudo o que a gente quer nas makes que usamos: são naturais, com ingredientes orgânicos, vegana e cruelty free.

Let Natural

Corretivos Líquidos da Lat Natural.

Além da preocupação com a procedência dos ingredientes e a reciclagem das embalagens, a Let também produz maquiagem pensando na cobertura e fixação do produto, coisa que outras marcas deixam a desejar.

Preço médio: Batom R$ 69,90 e Base R$ 99,90

Loja virtual: https://letnatural.com.br/

Lojas físicas: em Maceió

Bioart

A Bioart também faz parte do bloco das makes veganas maravilhosas! É orgânica, só usa ingredientes naturais, não contém fragrâncias sintéticas e é livre de produtos tóxicos. É como se viesse beleza e saúde pra pele em um potinho só!

Produtos Bioart

O destaque da marca de biocosméticos é que ela tem maior variedade de cores do que as outras veganas e também tem vários cosméticos como sabonetes e máscaras que fazem bem pra pele.

Como nada é por acaso, a Bioart é assim tão natural porque a fundadora, Soraia Zonto, sofreu por muito tempo com alergias por causa da maquiagem sintética. Somada a necessidade de produzir itens de maquiagem veganos e saudáveis, a empresa também é muito responsável em termos ambientais.

A história completa da marca você confere no vídeo a seguir:

Preço médio:   Batom Gloss R$ 39,04, Sombra R$ 35,20 e Base R$ 75,60.

Loja virtual: http://loja.bioart.eco.br/    

Lojas físicas: vendidas em várias cidades pelo país. Para conferir se tem produtos da Bioart perto de você, acesse esse link.

Organela

Vegana e orgânica, a marca de maquiagens de Joinville é mais uma que nasceu pela necessidade de criar itens saudáveis e não alergênicos mas de boa qualidade para peles sensíveis.

Blush Organela

Preço médio:   Batom R$ 60,00 e Base compacta R$ 71,00.

Loja virtual: http://organelamaquiagem.com.br    

Herbia

Com produtos sem parabenos, sem glúten, sem fragrâncias artificiais e sem derivados do petróleo, a Herbia é uma empresa de cosméticos veganos, orgânicos e naturais que possui alguns itens de maquiagem em seu portfólio de produtos.

Batons Herbia

Preço médio: Batom R$ 55,00 e Máscara para cílios R$ 59,00.

Loja virtual: https://www.lohasstore.com.br/3_herbia-cosmeticos-organicos  

Simple Organic

Além de uma linha bem completa de produtos para a pele que inclui bases, delineadores, hidratantes e máscaras faciais, a Simple Organic é muito transparente quanto às matérias-primas que utiliza, um tipo de comunicação que acredito que toda marca deveria adotar. 

Uma das cores incríveis de batom da Simple Organic

As maquiagens da Simple Organic são todas veganas, orgânicas, com ingredientes naturais e com ingredientes certificados, o que atesta a qualidade dos produtos.

Se você é fã de umas cores diferentonas para se maquiar, vai adorar os batons da marca!

Preço médio:   Batom R$ 69,00 e Corretivo R$ 75,00.

Loja virtual: https://www.simpleorganic.com.br/produtos/

Lojas físicas: Está presente em muitas cidades, basta conferir aqui.

Baims

A Baims é uma marca de maquiagem vegana alemã que veio para o Brasil há pouco tempo mas já é a mais conhecida por aqui, afinal, tem como embaixadora Alana Rox, a The Veggie Voice, a primeira e maior influenciadora digital da causa vegana.

Máscara de cílios Baims

Máscara de cílios Baims

Foi a primeira marca vegana que testei porque eles têm uma grande variedade de produtos e embalagens biodegradáveis. Já testei a máscara de cílios ( e não achei tão bacana assim porque é muito líquida e sai fácil) e o batom, que tem cores diferentes mais fechadas que gostei muito.

Preço médio:   Batom R$ 59,00 e Base R$ 125,00.

Loja virtual: https://baims.com.br/shop/     

Lojas físicas: sei que a marca tem quiosques e pode ser encontrada em outras lojas, mas esse link não está funcionando no site deles.😦 Assim que eu tiver essa informação, atualizo por aqui.

Maquiagem vegana: marcas internacionais

Existem muitas marcas de maquiagem vegana mundo afora, principalmente na Europa, onde o veganismo e empresas nessa linha estão bem estabelecidas.

Os critérios que usei para escolher quais listar aqui foi o fato da marca ser citada por maquiadores veganos e ter e-commerce, claro!

Kat Von D Beauty

A Kat Von D é uma tatuadora muito pop que faz parte do reality show Miami Ink. Lembrou dela? Sendo ela uma garota toda da arte, lançou a sua linha de maquiagem cheia de cores!

Kat Von D com as cores da sua linha de maquiagem vegana.

Na loja virtual, você encontra de pincéis a paletas de sombra, de bases a delineadores e o que mais precisar! Perfeita para quem gosta de make colorida.

Preço médio:   Batom U$ 19,00 e Base U$ 35,00.

Loja virtual: https://www.katvondbeauty.com/ e dá pra comprar via https://www.sephora.com/kat-von-d

Lojas físicas: disponível na rede de lojas Sephora.

Elf Cosméticos

A Elf é uma marca de maquiagem vegana que faz questão de se dizer assim e ter preços acessíveis. Incrível! Ela ainda tem uma linha bem completa de produtos de beleza para vários tons de pele, o que não é tão frequente se comparado às marcas nacionais.

Sombra Elf

E é sempre bom ficar de olho nas promoções do site porque várias vezes já vi frete grátis para outros países!

Preço médio:   Batom U$ 6,00 e Base U$ 12,00.

Loja virtual: https://www.elfcosmetics.com  

Obsessive Compulsive Cosmetics

A Obsessive Compulsive Cosmetics, ou OCC, é uma marca de Nova York que existe desde 2004. É uma das poucas gringas vegan e cruelty free que deixa essa proposta bem clara em seu site e na sua comunicação (as outras não passam dos selos da Peta no rodapé).

Obsessive Compulsive Cosmetics

É a com menos opções de produtos e cores, mas tem umas coisinhas bem diferentes tipo primer de lábios.

Preço médio:   Batom U$ 12,75 e Primer U$ 20,63.

Loja virtual: https://occmakeup.com/

Axiology

Muitas das marcas internacionais veganas são somente veganas. Já a Axiology também é orgânica e natural. Eles produzem e comercializam batom e lápis de boca em todas as cores que você conseguir imaginar, inclusive azul!

Batons da Axiology

Preço médio:   Batom U$ 30,00.

Loja virtual: https://axiologybeauty.com/  

Lojas físicas: a venda na Sephora.

Glamour Dolls

Com vários itens de make e pincéis veganos (com pêlos sintéticos) pra gente escolher,  essa marca de Nova York tem  uma produção justa que respeita os colaboradores e transparência sobre os ingredientes que usa.

Perfeita para quem gosta de cores, a Glamour Dolls entrega para o mundo todo!

Preço médio:   Gloss U$ 4,00.

Loja virtual: https://glamourdollsmakeup.com/

Colour Pop

A Colour Pop é uma marca cruelty free, sem testes em animais, cuja a maioria dos produtos são veganos. Eles deixam essa informação dos itens realmente veganos neste link no site.

Kit Colour Pop

Como esta é uma empresa conhecida e com vários itens recomendados por maquiadores vegans, inclui ela na lista. Se você boicota produtos veganos de empresas não veganas, então não compre na Colour Pop!  

O que se destaca nas marcas internacionais, principalmente das americanas, é que elas têm muito mais descontos, já perceberam? Pode ser uma boa se você precisa economizar, mas não é nada bom para o planeta porque estará gerando embalagens que podem prejudicar o ambiente e os animais. Então, antes de comprar, pense no quão importante é aproveitar uma promoção sem desrespeitar seus valores de uma vida mais sustentável.

Preço médio:   Batom U$ 6,00 e Iluminador U$ 5,60.

Loja virtual: https://colourpop.com/   

Pur

A Pur é o tipo de marca que podemos amar sem medo: vegana, sem derivados de petróleo, sem glúten, sem óleo mineral, sem sulfatos, sem talco ou parabenos, ela é super natural! Só falta ser orgânica para ser perfeita. 🙂

Blush Pur

Com um foco em saúde da pele, a Pur promete melhorias com o uso contínuo das makes da linha. Deu vontade de testar tudo!

Preço médio:   Batom U$ 12,00 e Base U$ 39,00.

Loja virtual: https://www.purcosmetics.com   

Marcas de maquiagem que não testam em animais com alguns produtos veganos

Não usar animais em testes é um passo para que uma empresa de cosméticos reduza a exploração que causa, mas isso ainda não é o ideal.

No fim das contas, para usar ingredientes de origem animal na maquiagem é preciso que os bichos sejam abatidos somente para este fim. Algo desnecessário, uma vez que esses ingredientes comumente usados já têm seus substitutos de origem vegetal!

Existem marcas que não testam em animais e têm a maioria de seus produtos sem adição de ingredientes de origem animal. Elas não podem ser consideradas marcas veganas, mas alguns de seus produtos sim, uma vez que atendem aos dois critérios para isso: não terem sido testados em animais e não serem feitos com ingredientes de origem animal.

É importante que você também conheça essas marcas cruelty free com alguns produtos veganos para quando precisar de maquiagem com urgência: não ter como pedir pela internet e esperar suas compras chegarem daqui a alguns dias porque a festa que vai é amanhã, por exemplo.

Nesses casos, é possível optar por itens de maquiagem veganos acessíveis, do tipo que podem ser encontrados na farmácia ou lojas fáceis de encontrar.

Vamos a elas:

Marina Smith – alguns produtos contém cera de abelhas, mas a maioria é vegan. Então leia os rótulos!

Catharina Hill – não testa em animais, mas possui produtos com ingredientes animais. É preciso verificar com a marca quais são veganos porque eles não sinalizam isso.

Quem disse, Berenice – não testa em animais porque as outras marcas do grupo, como o Boticário, já o fizeram. 😥 A lista dos produtos veganos é extensa, mas recomendo que sempre entre em contato com o SAC da marca pra tirar suas dúvidas.

The Balm – seria ótimo se essas marcas sinalizassem quais são os produtos sem ingredientes de origem animal. Mas elas não fazem isso. 😥 Mais uma que você tem que ler o rótulo ou consultar o SAC da empresa.

Vult – de todas dessas lista, a mais acessível, mas que infelizmente desde o ano passado não informa a muito sobre o fabricante e como contatá-los. Na dúvida, não compre.

Urban Decay – a marca, que é bastante indicadas por blogueiras, não realiza teste em animais e nem utiliza testes feitos por outras empresas. Ela tem vários produtos veganos, no entanto não são todos. A boa notícia é que a marca sempre sinaliza nas embalagens quais são veganos.

No entanto, lembre-se que somos nós, consumidores, que permitimos que produtos continuem a ser vendidos ou desapareçam por causa da nossa demanda. Se você quer mais marcas conscientes, zero exploração animal, produtos mais seguros e mais saudáveis para sua pele, dê prioridade às marcas de maquiagem veganas.

Parte 3 – Testes laboratoriais em animais

Por que ainda se faz testes de maquiagens e outros cosméticos em animais?

Se tem tanta marca de maquiagem vegana no mercado, porque a grande maioria das empresas ainda faz testes em animais? Segundo as pesquisas que fiz para a produção desse post, a resposta é uma só: conveniência.

Os laboratórios estão acostumados a fazer dessa forma, os animais já estão lá servindo de cobaia, a maioria dos profissionais responsáveis por testes de maquiagens e cosméticos sabe como realizar esse tipo de experimento e o entende como o padrão da indústria.

Por que ainda nós ainda fazemos testes em animais? Esse vídeo não contém cenas fortes.

O teste se torna uma necessidade porque antes de um produto ir para o mercado o fabricante precisa garantir e, principalmente, atestar, que o item em questão é seguro e não causará qualquer reação alérgica nas pessoas.

Mas convenhamos, se a maquiagem fosse desenvolvida somente com produtos naturais, orgânicos e conhecidos como urucum e óleos essenciais, por exemplo, não haveria porque testar em animais, não é mesmo? Obviamente, muito material tóxico é utilizado na produção das  maquiagens, como os derivados de petróleo, que são emolientes bem mais baratos mas que são cancerígenos.

Como é o processo de testes em animais

Os animais mais usados para experimentos de maquiagens e cosméticos são ratos, coelhos e porquinhos da India, sendo os mais comuns ratos, porque são menores, e coelhos, porque têm olhos mais sensíveis. A ideia é fazer com que estes bichinhos sejam expostos de modo extremo e ininterrupto às substâncias perigosas contidas na maquiagem.

Coelhos normalmente são utilizados para verificar o que acontece quando a maquiagem atinge os olhos, a parte mais sensível do nosso rosto. Para isso, uma substância será inserida em gotas continuamente em sua córnea para avaliar quanto tempo e qual quantidade são necessárias para, de fato, machucar e causar danos aos olhos.  

Esse tipo de processo para validar quanto tempo e qual a quantidade necessária para causar dano é aplicado na pele, ouvido, olhos e mucosas de animais. Pobrezinhos. 😥

No entanto, esses testes não podem ser encarado como algo conclusivo, afinal, estes animais e os humanos são diferentes! Têm DNA, pele e reações diferentes.

E é exatamente por isso que marcas veganas realizam testes in vitro, mais seguros e nada nocivos aos animais, tendência que vem sendo seguida até por marcas que não se declaram veganas.

Testing 1…2…3 – Vídeo da Peta – contém cenas fortes

Leis que proíbem os testes em animais

É proibido realizar testes em animais em alguns países como Israel e Índia, mas essa ainda não é uma realidade no Brasil.

Várias petições acontecem para que isso mude, mas o mais próximo que chegamos de efetivamente parar com estes testes foi uma lei aprovada em dezembro de 2017 válida no estado no Rio de Janeiro. O projeto 2.714/14 proíbe o uso de animais para testes no desenvolvimento de produtos cosméticos, higiene pessoal e perfumes. O que pode ser considerado algo positivo, mas ainda assim animais poderão ser usados em outros testes, como os da indústria médica e farmacêutica.

A Bloomberg Schools of Public Health, que fica na Alemanha, é uma das iniciativas que pesquisa alternativas para os testes em animais. Isso significa que não faltam fontes para a indústria encontrar novos caminhos. Para saber mais, acesse esse link.  

Porque usar maquiagem vegana, seja você vegan ou não

Quanto mais você usa maquiagem não vegana e permite que essas marcas cresçam ou não mudem, mais animais serão explorados e sofrerão muito dentro de um laboratório.

Já falei por aqui sobre consumo consciente, algo que acredito muito e que pode determinar o que as empresas nos oferecem. Se temos o poder de reduzir a exploração animal e ainda assim nos sentirmos bonitos e bem-cuidados do mesmo jeito, por que não trocar a maquiagem que você usa?

Com toda informação acima, esta escolha está em suas mãos!

Você conhece mais marcas veganas que deveriam estar nesta lista? Tem alguma dúvida? Comenta que eu ajudo. 😉

Facebook Comments
34 Comentários
0

veja também

34 Comentários

Lenir dos anjos 22 de fevereiro de 2018 - 13:15

Maquiagem da nutrimetics não
Fazem em animais ela pode ser
Considerada vegana

Reply
Ludmila Alves 22 de fevereiro de 2018 - 18:01

Oi, Lenir!
A Nutimetics não testa em animais mesmo, porém ela usa ingredientes de origem animal em alguns de seus produtos.
Por isso, ela não pode ser considerada uma marca vegana.
Bjobjo

Reply
Suelen 1 de maio de 2018 - 01:40

Post completissimo, mto obrigada!

Reply
Ludmila Alves 2 de maio de 2018 - 17:14

Obrigada, Suellen!

Reply
Inamara Catarina 26 de junho de 2018 - 22:08

Olá, tudo bem? Acessei o site da Elf, me cadastrei, mas na hora de registrar o endereço tinha somente duas opções de países: Canadá e e EUA. Você já comprou deles? Mandei mensagem pra confirmar se posso comprar para entrega aqui no Brasil, estou aguardando a resposta deles. Achei os preços ótimos.
Obrigada.

Reply
Ludmila Alves 29 de junho de 2018 - 17:43

Oi, Inamara!
Tem esse link da Dafiti onde você encontra alguns itens: https://www.dafiti.com.br/beleza-feminina/maquiagem/elf/
Mas, de fato, o site americano só entrega no Canadá e EUA. Portanto, tem que aproveitar quando algum conhecido for pra lá!

Reply
Dominick 29 de junho de 2018 - 14:19

Oi! As da Simple Organic também são. E o melhor, é marca nacional 🙂
https://www.simpleorganic.com.br/

Reply
Ludmila Alves 19 de julho de 2018 - 10:23

Verdade, Dominick.
Acrescentei por aqui 🙂 Muito grata!
Beijo

Reply
Gabi 1 de agosto de 2018 - 10:15

Nenhuma das marcas do Grupo Boticário (incluindo a Vult) faz teste em animais 🙂

Reply
Ludmila Alves 12 de agosto de 2018 - 14:59

Pois é, Gabi. Mas usam produtos de origem animais em seus produtos, exceto a Quem disse Berenice.
Espero ter ajudado!

Reply
Pamela 2 de agosto de 2018 - 15:16

Oi vc pode me informar se a marca Fand makeup é vegana?

Reply
Ludmila Alves 26 de agosto de 2018 - 20:23

Oi Pamela!
Perguntei no Instagram da Fand Makeup mas não obtive resposta. Eles não têm site, nem qualquer tipo de informação sobre os ingredientes usados.
Na dúvida, não compro!

Reply
Rosangela 20 de outubro de 2018 - 12:49

Os batons da natura ja são veganos, o mel de abelha que consta neles sao fabricados sinteticamente pela marca.

Reply
Ludmila Alves 23 de outubro de 2018 - 08:53

Verdade, Rosângela! Bem lembrado.
No entanto, não inclui a Natura na lista já que ela ainda não é uma marca de maquiagem vegana. Alguns produtos levam cera de abelha e lanolina.
Os batos são uma opção para quem busca coisas veganas até porque a empresa nem os seus fornecedores realizam testes em animais.

Reply
Ana barbosa 15 de novembro de 2018 - 01:11

Olá,
Você conhece a let natural? Tem uma loja aqui no meu estado e estou querendo testar. Conhece?

Reply
Ludmila Alves 24 de janeiro de 2019 - 11:44

Oi, Ana!
A marca é ótima. Conheci depois que me indicou, pesquisei, amei e incluí nessa lista.
E olha que bacana: se é do seu estado, melhor ainda você consumir! Por que daí incentiva o produtor e a economia local.
Beijo.

Reply
Carla Pereira Cleffi 25 de novembro de 2018 - 00:53

Achei o post por acaso e olha, foi o melhor post que já vi na vida 😍 muito bem explicado, sem deixar nenhuma dúvida. Maravilhosa! Nunca comentei em nenhum site, mas nesse PRECISEI. Vou começar a te acompanhar 😉 Obrigada pelo post. Ajudou muito.

Reply
Ludmila Alves 25 de novembro de 2018 - 13:24

Oi, Carla! Que feliz que fiquei em ler seu comentário!
Sou jornalista e faço esse blog com muita dedicação. Esse tipo de feeedback só me estimula a produzir mais coisas úteis.
Obrigada <3

Reply
Raiza Mucida Oliveira 27 de novembro de 2018 - 14:49

Ola! Sabe informar se os produtos da Be Emotion da Polishop são veganos?

Reply
Ludmila Alves 29 de novembro de 2018 - 22:31

Oi, Raiza!
Conferi os ingredientes de alguns produtos e eles têm ingredientes de origem animal, sim!
Abraço

Reply
Emiliane Caroline 21 de dezembro de 2018 - 11:56

Amei seu post!! Riquíssimo em informações!! Você poderia comentar um pouquinho sobre serem ou não (e motivo) cruelty free e/ou veganos as marcas: Urban Decay, Catharine Hill, MAC e Morphe.. Beijos

Reply
Ludmila Alves 24 de janeiro de 2019 - 12:06

Oi, Emiliane.
fico feliz que ele tenha sido útil 🙂

Pediu para eu comentar, fui atrás dessa info pra atualizar o post 🙂 Já está tudo aqui, mas em resumo soube que:

– Urban Decay: não realiza teste em animais e tem alguns produtos veganos (sinalizados na embalagem).
– Catharina Hill: não realiza teste em animais e tem alguns produtos veganos (sinalizados na embalagem).

A Mac não está na lista porque não é cruelty free e nem vegana.
E, por fim, quanto à Morphe, ela tem pincéis de pêlos sintéticos e de pêlos de animais, portanto não é vegana.

Qualquer dúvida, me fala!
Beijo!

Reply
Ernestina 17 de janeiro de 2019 - 12:50

Eu gosto da informação valiosa que você fornece em seus artigos. Vou marcar seu blog e verificar novamente aqui regularmente. Boa sorte para a próxima!

Reply
Ludmila Alves 17 de janeiro de 2019 - 14:18

🙂

Reply
Lilian 19 de janeiro de 2019 - 14:43

Fantástico este post! Muito esclarecedor.. Ludmila estou a busca de cosméticos naturais/vegano devida uma forte alergia ao níquel. Gostaria de saber se estes produtos estão livre de níquel? O metal pesado que refere seria níquel também? Qual marca indica adquirir neste caso? Obrigada e parabéns pelo post.

Reply
Ludmila Alves 24 de janeiro de 2019 - 09:39

Oi, Lilian. Sei que chumbo é um desses metais pesados.
Dessa lista de makes veganas nacionais, as que certamente não têm níquel são a BioArt, a SimpleOrganic, a Cativa Natureza e a Baims, as quais realmente têm preocupação em ser natural. Das marcas gringas, as mais naturebas são a Axiology e a Pur.
Também sei que toda maquiagem hipoalergênica é sem níquel 🙂
Na dúvida, o jeito é mandar e-mail pro SAC das marcas.

Abraço!

Reply
Alessandra 20 de janeiro de 2019 - 21:05

Estou indo pra Miami em Março, adorei descobrir as marcas veganas com você. Vou procurar para trazer , o preço das marcas Importadas são muito bons pelo que vi nos sites que você indicou. Obrigada

Reply
Ludmila Alves 24 de janeiro de 2019 - 09:40

Pois é, Alessandra!
A Elf, por exemplo, é bem baratinha e tem em toda farmácia.
Muito bom saber que esse conteúdo foi útil.
Beijo!

Reply
Marcele Carvalho 27 de fevereiro de 2019 - 09:31

Adorei suas dicas vao me ajudar muito

Reply
Ludmila Alves 1 de março de 2019 - 20:53

Fico feliz em saber, Marcele!

Reply
Eva 1 de março de 2019 - 23:50

Oi!
Tava pesquisando ingrendientes e vim parar aqui!
Perfeito! É o melhor conteúdo que já encontei sobre esse assunto. Parabéns é pouco pra vc!
Já tô seguindo.
Obrigada =)

Reply
Ludmila Alves 7 de março de 2019 - 07:15

Oi, Eva!
Que bom que o conteúdo te ajudou 🙂
Também me siga no Insta! instagram.com/bistroveg

😘

Reply
Emilly 28 de abril de 2019 - 12:49

Amei esse conteúdo!
Muito obrigada por preparar um conteúdo bem explicativo! E com as várias opções de marcas veganas!

Reply
Ludmila Alves 29 de abril de 2019 - 19:44

Obrigada, Emilly! Fico feliz que tenha gostado 🙂

Reply

O que achou? Deixe seu comentário